You are currently viewing Jasmim-árabe – Jasminum sambac

Jasmim-árabe – Jasminum sambac

O jasmim-árabe é um arbusto muito perfumado e decorativo, que pode alcançar cerca de 4 metros de altura. Ele é considerado a planta símbolo das Filipinas, onde suas flores compõem os leis (colares de flores). As folhas são verde escuras, ovaladas, com sulcos um tanto marcados e são dispostas ao longo de ramos compridos. As flores brancas exalam um forte perfume, adquirem tonalidades rosadas com o tempo e podem ser simples, semi-dobradas ou dobradas. Quando desidratadas são muito utilizadas para a aromatizar o Chá-de-jasmin, bebida muito apreciada na China.

Embora seja arbustiva, pode ser conduzida como trepadeira, devido aos extensos ramos, cobrindo assim suportes como colunas, grades e arcos. Fica muito bem em vasos e jardineiras, e se podada adequadamente torna-se um formoso arbusto. Floresce nos meses mais quentes do ano, mas pode florescer no inverno se mantida em estufa.

Deve ser cultivada a pleno sol em solo fértil e enriquecido com matéria orgânica, com regas regulares. As fertilizações periódicas com composto orgânico ou NPK, favorecem intensas florações. Tolera o frio e à meia-sombra. Multiplica-se por estacas semi-lenhosas postas a enraizar em ambientes protegidos.

Nome Científico: Jasminum sambac
Nomes Populares: Jasmim-árabe, Bogari, Jasmim-sambac, Mosqueta
Família: Oleaceae
Categoria: Arbustos, Cercas Vivas, Trepadeiras
Clima: Continental, Mediterrâneo, Oceânico,Subtropical, Tropical
Origem: Índia, Oriente Médio
Altura: 2.4 a 3.0 metros
Luminosidade: Meia Sombra, Sol Pleno
Ciclo de Vida: Perene